A Assembl√©ia dos Professores Municipais de Lages, ¬†realizada ontem √† noite no Teatro Marajoara, ¬†aprovou a proposta feita pelo Executivo de Lages de reajuste do sal√°rio da categoria ¬†com base no novo valor do Piso Nacional do Magist√©rio, que no come√ßo do m√™s de mar√ßo foi definido pelo MEC em R$ 1.451,00 (um aumento de 22,22% sobre o piso nacional de 2011 - que era de R$ 1.187,00). Pela proposta do Executivo - aprovada pela maioria dos presentes - os professores municipais ter√£o um reajuste de 8% sobre os sal√°rios a serem pagos no final deste m√™s de mar√ßo, retroativo a janeiro e fevereiro. E no sal√°rio de abril, a ser pago no final do pr√≥ximo m√™s, mais 6%, totalizando 14% de reajuste (√© bem mais do que a proposta rid√≠cula feita pelo Governo do Estado - por exemplo). ¬†Quanto aos 8,22% restantes (para totalizar o aumento de 22,22% do novo piso nacional), as negocia√ß√Ķes continuam com o Executivo. Foi aprovada tamb√©m a data indicativa de 02 de maio para uma nova assembl√©ia da categoria para verificar como ficam esses 8,22% que faltam. Segundo a presidente do SIMPROEL, professora D√©bora Reichert (hoje pela manh√£, por telefone), o canal de di√°logo com o Executivo continua em aberto. "O Secret√°rio de Educa√ß√£o, Amilton Werlich, vai a Bras√≠lia pedir uma complementa√ß√£o de recursos. Caso o munic√≠pio consiga, os 8,22% estar√£o assegurados. E mesmo que n√£o consiga, as negocia√ß√Ķes continuam", assegurou. OU SEJA, POR ENQUANTO¬†N√ÉO √Č VERDADEIRO ¬†O DISCURSO DE RENATINHO DE QUE PAGARIA DE IMEDIATO OS 22,22% DE REAJUSTE NO SAL√ĀRIO DOS PROFESSORES DA REDE MUNICIPAL. ANTES DE FALAR, DEVERIAM TER FEITO AS CONTAS E ESPERADO UM POUCO MAIS PARA ANUNCIAR. ESPERA-SE QUE AGORA - DEPOIS DA PROMESSA FEITA¬†E DIVULGADA AOS ¬†QUATRO VENTOS (INCLUSIVE POR N√ďS - QUE N√ÉO TEMOS ¬†MOTIVO ALGUM PARA DUVIDAR DO PREFEITO), OS PROFESSORES EFETIVAMENTE RECEBAM OS 8,22% QUE FALTAM. Loreno Siega - Revista Vis√£o