Antônio Ceron (PSD)  e Sirlei Rodrigues (PP), com apoio de mais nove partidos,  lançaram chapa  para a Prefeitura de Lages  neste sábado (30/06). O evento aconteceu no Centro Serra, no início da tarde, com um grande público.

 

\"\"

O candidato número 55 reuniu os presidentes e candidatos a vereadores dos 11 partidos coligados. São eles: PSD, PSB, PTC, PRP, PRB, PP, PSB, PTN, PR, PSL e PMN. São mais de 45 vereadores dos 11 partidos que apóiam Ceron.  Além deles, o governador do Estado Raimundo Colombo e o prefeito Renato Nunes de Oliveira também estavam presentes e anunciaram o apoio aos dois candidatos. 

\"\"

O prefeito e aniversariante de hoje foi um dos primeiros a se pronunciar e falou que o maior presente dele era ver aquele lugar lotado. “Estou muito feliz por estar hoje aqui ao lado dos meus amigos. Quero ver Lages caminhando. Lages não pode voltar para trás, ela tem que dar a continuidade à  grande administração de Raimundo e Renatinho e agora com o Ceron a partir de 1 de janeiro de 2013. Quero dizer Ceron que eu serei mais um cabo eleitoral, junto a toda essa frente de candidatos”, disse.

 

\"\"

A professora Sirlei, vice de Ceron, exclamou a importância de ter uma mulher à  frente do comando e lembrou que a força feminina a cada dia vem se destacando na política brasileira. “Eu sei que nós mulheres faremos a diferente no processo eleitoral. Nós sabemos cuidar. Com toda nossa sensibilidade, com o nosso “jeitinho”  de fazer e resolver as coisas mais complexas dessa vida. Hoje enquanto mulher e enquanto afro descendente estou orgulhosa de representar cada uma de vocês mulheres, professoras, gestoras, educadoras. A minha história se confunde com a história de cada uma de vocês, de alguém que teve que batalhar, trabalhar, para conseguir chegar onde cheguei. Junto com vocês,  mulheres e homens, nós vamos fazer uma Lages melhor”, ressaltou.  

\"\"

O governador Raimundo destacou a união de forças em prol da evolução da cidade. “Vivi toda a minha infância e juventude aqui. Ao longo dos meus trabalhos políticos, eu sempre buscava uma brecha para voltar para cá e um dia espero morar aqui de novo. Vocês não imaginam a alegria de estar aqui com meus amigos, de tantas caminhadas, tantas jornadas, tantos sonhos, amigos verdadeiros. Queremos hoje que continuem a jornada. Daqui para frente,  em nenhum minuto é dado o descanso, em todos os momentos nós temos que caminhar, temos que entrar na casa das pessoas, abraçar cada lageano, irmão nosso, construir a esperança de que através do trabalho a gente possa melhorar a vida da nossa gente, trazendo mais empregos, melhorando o salário, aprimorando os serviços públicos”, destacou.

 

\"\"

Colombo também lembrou  da época em que Ceron passou  por uma cirurgia cardíaca e de como eles ficaram apreensivos e achando que talvez ele  não fosse se candidatar. “Lembro bem das palavras dele me dizendo que ainda bem que Deus tinha lhe mostrado essa enfermidade naquele momento, que ele iria fazer a cirurgia com fé e que a saúde dele dali pela frente era trabalhar pelo povo, exclamando que ele era candidato e que estaria aqui pronto para lutar, como está aqui hoje”, relembra.

\"\"

E finalmente o último a falar foi o candidato Ceron. Ele se emocionou durante o discurso de seus companheiros. “Estou aqui hoje porque sempre pensei em ser prefeito da minha cidade. Eu quero ir a fundo e saber o que pensa e quais as necessidades dos moradores lá do bairro e que muitas vezes são pouco ouvidos. Quero conhecer de perto, no detalhe, cada problema”, disse. O candidato enfatizou  que antes mesmo de se candidatar decidiu conversar com o máximo de pessoas que ele pudesse e que fez isso durante três meses, pelos bairros de Lages. “Ouvi muito, falei pouco e aprendi demais com os depoimentos de mais de 5 mil pessoas”, disse. Desses encontros, Ceron juntou mais de 3,5 mil questionários, falando sobre as problemáticas de cada lugar. 

 

O objetivo maior de Ceron é trazer para Lages empresas, para dar emprego para os lageanos. “Nessa questão de desenvolvimento econômico nós ainda estamos ficando para trás. E esse é sem dúvida o meu maior foco, o aumento da oferta e de empregos de qualidade dentro da cidade. Vou fazer tudo que for possível para trazer empresas e também  qualificar a mão de obra dos lageanos, para que essas empresas possam  utilizar nossa gente”, finalizou.   

 

Liana Fernandes - Repórter - Revista Visão