Com o intuito de melhorar a situação da saúde na Serra catarinense, o Governo do Estado vem adotando medidas em caráter de urgência. Seis mil novas vacinas contra a Influenza A H1N1 foram enviadas à região. Além disso, duas clínicas particulares de Lages estão sendo credenciadas no Sistema Único de Saúde (SUS) para que todos os meses mais de 500 pessoas possam realizar procedimentos médicos sem a necessidade de ter que sair da região.

As vacinas contra a Influenza A H1N1 serão distribuídas pela Gerência de Saúde aos 18 municípios vinculados às secretarias regionais de Lages e São Joaquim. As doses serão aplicadas gratuitamente em pessoas que se encaixam em grupos de risco, ou seja, portadores de doenças crônicas, e outros casos especiais avaliados pelas secretarias municipais de Saúde.

As duas clínicas que estão em processo de credenciamento no SUS são aptas a realizar procedimentos de cintilografia e audioterapia. Segundo a gerente regional de Saúde, Beatriz Montemezzo, os serviços devem ser disponibilizados para a população nas próximas semanas, tão logo sejam concluídas as questões burocráticas.

Hospital Tereza Ramos

A Secretaria Regional de Lages informou que o tomógrafo destinado ao setor de radioteria do hospital Tereza Ramos chegará a Lages na semana que vem. A próxima etapa para que o serviço entre um funcionamento é a licitação, que tem o objetivo de contratar a empresa que irá operacionalizá-lo. Pacientes da Serra, Oeste e Meio-Oeste serão beneficiados.

Informações AMURES