O programa Hora da Corneta, da Rádio Clube de Lages, repercutiu na última sexta-feira (27/07) o anúncio do prejuízo de mais de R$ 1,1 milhão da Festa do Pinhão deste ano. Hoje pela manhã, no programa do Adílson Oliveira, novamente vários ouvintes se manifestaram sobre o assunto.

9 em cada 10 pessoas que ligaram para a rádio criticaram veementemente a organização do evento. Teve um ouvinte que chegou a dizer inclusive na sexta-feira  que \"Isso é caso de polícia. Quem fez esse evento e divulgou esse balanço deveria ir preso\".

O empresário Carlos Amaral, do SCC, publicou hoje no blog do colega Edson Varella um comentário a respeito:

 

 A prefeitura terceirizou a Receita  da Festa do Pinhão e ficou com as Despesas. Que conta é essa? É brincadeira!!! Mais de R$ 1 milhão de prejuízo? É isso mesmo? Isso que neste ano não choveu, os shows eram os mais badalados do Brasil e ainda conseguiram essa proeza. Transformaram a Festa do Pinhão  em Festa do Peão. Deixaram a cultura e o tradicionalismo de lado, a gastronomia virou em Kreps e Kapeta, o povo lageano foi esquecido e ainda por cima não valorizam as empresas da cidade!”, destacou Carlos Amaral. 

“A Festa do Pinhão precisa se profissionalizar e se reinventar urgentemente!! A prefeitura precisa discutir a festa com a sociedade, pois a festa é nossa, do povo, dos lageanos, e não de uma meia dúzia que se acham Os Caras! Ah sim, eles são, Os Caras de Pau!!!!”, acrescentou indignado Carlos Amaral.