Dentro de alguns dias a Prefeitura de Lages realizará a solenidade de inauguração do Módulo II da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE Caça e Tiro). A obra contempla a segunda etapa do planejamento estratégico para a implantação do Esgotamento Sanitário de Lages, que beneficiará três áreas prioritárias do perímetro urbano: os bairros Coral, Sagrado Coração de Jesus, Cepar e Habitação. O Modulo I, que está em operação atualmente, trata o esgoto de bairros como o Centro, São Cristóvão, entre outros.

De acordo com o Engenheiro da Semasa, Marcos Tibúrcio, para a finalização da obra faltam apenas alguns detalhes técnicos na parte elétrica de alguns equipamentos. “Com o Módulo II em operação teremos um salto de 20% para 40% do esgoto tratado em Lages, sendo que a média estadual gira em torno de 20% e a nacional não passa de 30%”, afirma.

Além da conclusão do Módulo II, a segunda etapa prevê ainda a implantação de 40 mil metros de redes coletoras com as correspondentes ligações domiciliares, beneficiando cerca de 30 mil habitantes. Os investimentos passam dos R$ 15 milhões, sendo recursos do governo federal através do Programa Saneamento Para Todos com contrapartida da prefeitura.

Ainda está no planejamento a terceira etapa, que priorizará o Projeto Rio Ponte Grande, que por sua densidade demográfica e perspectiva de crescimento, representa a segunda mais importante bacia hidrográfica do município. Com recursos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC-2), serão investidos mais R$ 20 milhões nesta obra, beneficiando uma população aproximada de 30 mil habitantes. Na etapa do Sistema Araucária serão disponibilizados mais R$ 24,3 milhões, para uma população de 25 mil habitantes.

Aline Tives - Assessoria de Imprensa da Pref. de Lages

 

COMENTÁRIO DO BLOG: Só temos de aplaudir a prefeitura pela importante e relevante obra. Mas vocês perceberam como em período eleitoral se inaugura e se concluem todas as obras que se arrastavam há anos. Nunca se viu antes neste país (opsss.... neste município) tamanha agilidade, serviços e trabalhos como agora, nas vésperas das eleições.