“No leito de sua morte o imperador Alexandre o Grande, o maior conquistador do mundo antigo pediu que suas mão ficassem para o lado de fora do caixão. Queria mostrar ao mundo que desta vida nada se leva. Nós homens públicos deveríamos fazer o mesmo, mas para dizer, que suas mãos são limpas”. Com estas palavras, o prefeito reeleito de Urupema, Amarildo Gaio foi diplomado na tarde desta terça-feira, no Fórum de São Joaquim.

Seu pronunciamento foi breve e reafirmou que o grande compromisso do gestor público é com sua população. Gaio fez um apelo aos vereadores e prefeitos diplomados para que construam um “pacto” pela região. “Temos de estar juntos para compensar a diferença da depressão financeira que temos em relação às demais regiões do Estado”, convocou.

\"\" \"\"


A diplomação foi a primeira dos prefeitos da Amures e lotou o auditório do Fórum de São Joaquim. Também foram diplomados os prefeitos e vices eleitos de Bom Jardim da Serra, Edelvanio Nunes Topanoti e de São Joaquim, Humberto Brilguenti. Ainda na terça-feira foi diplomado na escola Alexandre de Gusmão, o prefeito eleito de Bom Retiro, Albino Gonçalves Padilha, sua vice-prefeita e os vereadores.

Nesta quarta-feira às 14 horas será diplomado o prefeito de Urubici, Fidelis Schappo, o vice e os vereadores. Na mesma solenidade serão diplomados também os eleitos de Rio Rufino. A rotina de diplomações segue até quarta-feira da próxima semana, quando ocorre a diplomação dos eleitos para governar e legislar Lages, nos próximos quatro anos.

Os eleitos de Capão Alto serão diplomados amanhã (13), no salão da igreja a partir das 18 horas. Na sexta-feira será a vez dos eleitos de Bocaina do Sul, Correia Pinto, Otacílio Costa, Painel, Palmeira e São José do Cerrito. A solenidade será às 19h30min, no Centro de Ciências Jurídicas da Uniplac.

 

Na terça-feira (18), no salão do Colégio Padre Antônio Vieira em Anita Garibaldi, serão diplomados os eleitos de Anita Garibaldi, Campo Belo do Sul e Cerro Negro. No mesmo dia, às 19 horas, o prefeito eleito de Ponte Alta e futuro presidente da Amures, Carlos Moraes, será diplomado na Universidade do Contestado, em Curitibanos.

 

Informações Oneris Lopes / AMURES