A Secretaria do Meio Ambiente executa diariamente serviços e trabalhos gerais de limpeza e conservação de ruas, avenidas, praças, logradouros públicos e margens de estradas de acesso aos distritos de Lages. Exemplo disso são as roçadas às margens da via de ligação ao distrito de Santa Terezinha do Salto Caveiras, onde também foi feita a limpeza da área em volta do Trapiche.

Outra equipe do Meio Ambiente está atuando na desobstrução visual de árvores e arbustos das cabeceiras das pontes da avenida Belizário Ramos (Carahá), garantindo a segurança dos motoristas e pedestres que a utilizam. As rótulas e praças e os canteiros centrais das avenidas são outros alvos da operação limpeza.

A praça da Bandeira, local da estátua do fundador de Lages, Antonio Correa Pinto de Macedo, já foi contemplada com esses serviços. “A correção do crescimento desordenado das árvores sobre as calçadas é outro trabalho que vem sendo feito”, explica o secretário Mushue Hampel.

\"\"

Exemplo de atitude e colaboração

 Enquanto muitos somente criticam o poder público municipal, entendendo, erroneamente, que o cuidado e o zelo com a coisa pública é de competência exclusiva da prefeitura, outros pensam e agem diferente. É o caso de Eda Nair da Silva Neto, 71 anos. Ela é um exemplo de que os moradores também podem contribuir para a conservação e a melhoria do Meio Ambiente.

Há quatro anos, Eda cultiva com esmero, dedicação e amor à natureza, parte do canteiro central da Avenida Brasil. “Faço isso para que a frente da oficina dos meus filhos fique mais bonita. Planto flores – roseiras e uma espécie de palma. Também cuido das árvores plantadas pela prefeitura”, revela.

 Assess. de Imprensa da PML - Fotos: Toninho Vieira

COMENTÁRIO DO BLOG: Concordamos com o release da Prefeitura. Cada um tem de fazer a sua parte. Lá no Vila Comboni, por exemplo, os moradores cortam o mato periodicamente e plantaram inúmeras árvores ao longo do acesso de chegada  ao bairro. Mas... do outro lado da rua, e mesmo o asfalto pra chegar ao bairro, está um verdadeiro \"caos e abandono\". Lá os moradores estão fazendo bem mais do que sua parte. Mas, por enquanto, o poder público inexiste....