Esta semana tem sido marcada por reuniões para o prefeito Elizeu Mattos, que passou pela capital do Estado e agora está em Brasília. Sua principal pauta é encontrar alternativas para captar o maior volume possível de recursos para Lages, tendo como base a elaboração de projetos. De acordo com ele, a ordem em Brasília é que se façam bons projetos por que recursos existem.

Ele esteve reunido com o presidente da Caixa Econômica Federal (CEF), Jorge Fontes Hereda. “A CEF é uma grande fonte de financiamentos para projetos públicos nas mais diversas áreas e, para consegui-los, é necessário a elaboração de projetos com qualidade e em minha conversa com o Hereda, esta questão foi abordada”, relata o prefeito que espera firmar uma série de parcerias com a CEF, a exemplo da que está proporcionando a construção do sistema de saneamento básico no Complexo Araucária e que vai atender a mais de 21 mil moradores de oito bairros da cidade.

Já com a diretora-executiva de Administração e Finanças da Empresa Brasileira de Pesquisas Agropecuárias (Embrapa), Vânia Beatriz Rodrigues Castiglioni, o assunto girou em torno da permuta da área que pertence a empresa onde hoje funciona a estrutura da Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de Santa Catarina (Epagri), no Morro do Posto. “Vânia nos disse que dará encaminhamento ao pedido e que num prazo de 30 dias um novo encontro deve acontecer, quando convidaremos também o governador Raimundo Colombo e o senador Luiz Henrique da Silveira”, declarou. De acordo com Elizeu, é um antigo sonho prestes a se concretizar, ou seja, a edificação de um Centro Administrativo e do Parque da Cidade.

No encontro com o secretário nacional de Acessibilidade, o também catarinense, Leodegar Tiscoski, Elizeu debateu a possibilidade de elaborar projetos com vistas a melhorar as questões de acessibilidade em Lages. Com os técnicos do Ministério do Turismo, o prefeito lageano buscou respostas para duas indagações. A primeira, como conseguir um maior apoio para a realização da Festa Nacional do Pinhão. A segunda, programas e projetos que envolvam o desenvolvimento de ações turísticas regionalizadas. “Estamos no caminho certo, do diálogo e da elaboração de projetos técnicos com qualidade, pois os recursos existem e estamos conhecendo os caminhos para chegar até eles”, analisa.

 Encontro com senador LHS e com Ministra Ideli

 Tanto em Florianópolis quanto em Brasília, Elizeu manteve reuniões com o senador Luiz Henrique da Silveira, de quem ouviu que está no caminho certo, palavras ditas após ele ter conferido a participação do prefeito de Lages terça-feira (9) no almoço-debate de lançamento do Lide – Grupo de Líderes Empresariais no Estado, encontro que teve como tema central “Os 100 primeiros dias: O Desafio das Novas Administrações Municipais”.

Elizeu agradeceu ainda a intervenção do senador que proporcionou o encontro com a direção da Embrapa, que acabou se tornando um importante passo para a utilização de uma área nobre da cidade, em prol de empreendimentos importantes, como o Parque da Cidade e o Centro Administrativo.

Em sua passagem por Brasília, Elizeu esteve ainda com a ministra das Relações Institucionais, Ideli Salvatti, com quem também debateu a questão de projetos para obtenção de recursos federais. “Está sendo uma viagem muito produtiva e que ratifica nosso pensamento de concentrar esforços na elaboração de projetos técnicos”, enfatiza o prefeito. O retorno a Lages acontece nesta sexta-feira (12).

 Assess. de Comunic. Social da PML - Foto: Artur Hugen / Divulgação