A  Polícia Militar Ambiental (PMA), de Lages foi até a localidade de Salto do Rio Caveiras, em uma propriedade rural devido a uma denúncia de que aves silvestres eram mantidas em cativeiro. No local ficou evidenciado a veracidade da denúncia. Foram encontrados em cativeiro três gaiolas com espécies da fauna silvestre brasileira. 

Após vistorias, constatou-se a existência de dois papagaios e uma tiriva mantidas no interior da residência. Foi indagado ao responsável, sobre a autorização ambiental para manter os pássaros em cativeiro. O mesmo disse que não tinha. Diante da irregularidade foram lavradas as documentações pertinentes ao fato. Foi feito um auto de infração ambiental com o indicativo de multa no valor de R$1.500,00. Os pássaros foram apreendidos e permanecem no viveiro da sede da PMA até as providências cabíveis. 

Salientando-se que a multa pode ser acrescida em R$ 5.000,00 por pássaro, se a avaliação dos biólogos da polícia ambiental constar que os animais estão na lista de extinção. O proprietário das aves prestou esclarecimentos sobre o fato e assinou o Termo de Compromisso para comparecimento no Fórum da Comarca de Lages – SC.