Vereador não tem caneta na mão para fazer as obras e investimentos necessários à melhoria de vida da população. Então, deveriam mostrar trabalho fiscalizando o Executivo e propondo leis de interesse geal da população.

Mas, na atual legislatura,  em Lages, parece que isso é o que menos os vereadores estão fazendo, de ambos os lados (oposição e situação).  Neste ano, já foram realizadas diversas Sessões Especiais e Audiências Públicas. E mais  três vão acontecer nos próximos dias.

Senão, vejamos:

08/05 - 19 horas - Audiência Pública para debater o abono salarial concedido aos servidores públicos municipais;

09/05 - 19 horas - Audiência Pública para debater a situação das reformas e melhorias nos colégios estaduais da cidade;

24/06 - 19 horas - Audiência Pública para debater a intervenção judicial na Uniplac.

Será que essas discussões vão resolver alguma coisa? Vão decidir por alguma ação prática? Quem vai fazer essas ações, se acaso forem decididas? Os vereadores? É muito falatório e debate para pouca ação prática.

Loreno Siega - Revista Visão