Na moção legislativa 148/13, o vereador João Alberto Duarte reivindica um maior fomento das potencialidades turísticas do distrito de Santa Terezinha do Salto. O documento foi encaminhado ao secretario de Turismo e presidente do Conselho Municipal de Turismo, Flavio Agustini, e ao presidente das Centrais Elétricas de Santa Catarina (Celesc), Cleverson Siewert.

            O proponente entende que o Salto Caveiras possui um elevado potencial para o desenvolvimento de atividades turísticas, geradora de emprego, renda e incremento econômico. No entanto, compreende que este fator é pouco explorado, já que a grande maioria das atividades é realizada no entorno de recursos naturais e que esta dependência demonstra a importância da conservação destes recursos, os quais, conjuntamente com os eventos, podem ser considerados estruturantes para a região.

            Partindo desta análise, João Alberto propõe a construção de um mirante para a observação da queda d´agua do Rio Caveiras, bem como um incentivo maior para realização de eventos relacionados a esportes aquáticos e pesca esportiva, além de melhorias na acessibilidade a este local e da infraestrutura para os turistas e os moradores. “Hoje o lageano não tem uma área de lazer e lá é um dos grandes potenciais em turismo que temos. (...) Muita coisa pode ser feito, mas é preciso dar o primeiro passo. Se cada prefeito fazer alguma coisa, teremos algo estruturado”, comentou o vereador.

            João Alberto também pede à Celesc a cessão do terreno localizado às margens do Rio Caveiras à municipalidade, pois a facilitação do acesso à belíssima cascata presente no local possibilitaria a realização de posteriores benfeitorias, e um melhor aproveitamento desta potencialidade turística. Já para a Secretaria de Turismo, a sugestão é pela elaboração de um plano e definição de estratégias e metas que visem o desenvolvimento da atividade turística no distrito de Santa Terezinha do Salto.

 

Assess. de Imprensa da Câmara de Lages