Materiais que iriam para o lixo ganharam cores e novos formatos. Latas de refrigerante se transformaram em animais como vaquinhas, abelhas, joaninhas e tantos outros que sequer eram conhecidos pelos pequenos alunos do Centro de Educação Infantil Municipal (Ceim) Alfredo Bianchini de Mathia, no bairro Santo Antônio. Nesta quinta-feira (3) os pais e a comunidade foram convidados a visitarem a exposição dos trabalhos realizados pelas crianças.

 

Representantes da Secretaria de Educação e o secretário do Meio Ambiente, Mushue Hampel, estiveram na escola e parabenizaram a direção pela iniciativa. “A educação vai muito além da alfabetização. Fico feliz em saber que as nossas escolas estão preocupadas com a conscientização das crianças. Estamos plantando uma sementinha que iremos colher no futuro”, comenta Hampel.

A meta, segundo a gestora da escola, Cíntia Lauterjung, é conscientizar sobre a importância do meio ambiente e ampliar o conhecimento dos alunos sobre as espécies de animais, principalmente a fauna brasileira. “Sensibilizamos os alunos para que eles se tornem cidadãos aptos para decidirem e atuarem na realidade socioambiental, comprometidos com a vida, com o bem-estar de cada um e da sociedade”, comenta Cíntia.

Além da confecção dos brinquedos, historinhas como a do Patinho Feio fizeram parte do repertório das professoras Everlaine Souza e Tânia Vieira Batista, que desenvolveram o projeto. “É muito importante essa iniciativa das professoras, porque muitas vezes achamos que na creche as crianças não tem esse aprendizado, mas estou muito contente com o resultado”, diz Roselene da Luz de Oliveira, mãe do aluno Lucas, de 3 anos.

 

Assess. de Comunic. Social da PML - Foto: Nilton Wolff