A mostra “Arte e Memória: um olhar sobre os 100 de Malinverni Filho” reúne até às 16h desta quarta-feira (13), no salão de atos da Universidade do Planalto Catarinense (Uniplac), trabalhos produzidos por alunos de 17 escolas das redes municipal, estadual e particular de ensino, sobre a vida e obra do artista plástico lageano, em homenagem ao seu centenário.

A partir do projeto de extensão do curso de Artes da Uniplac, com apoio da Fundação Cultural de Lages, o Polo Arte na Escola, vinculado à Fundação Ioschpe e à Rede Arte, está propiciando a realização do evento, com performances, apresentações teatrais, instalações, exposições de esculturas, maquetes, quadros, pinturas, desenhos, fotografia, fotomontagens, colagens e apresentações sobre a vida e obra de Malinverni.

A professora de artes e coordenadora do evento, Roseceli Martinhago Vieira, diz que só nesta terça-feira (12), primeiro dia da mostra, teve aproximadamente mil visitantes. “Nós queríamos uma exposição só de arte; queríamos produção dos alunos das escolas do município, do Estado e particulares, reunidos num só local. Essa exposição é inédita, e comprova a importância da articulação dos arte-educadores”, ressalta.

Kauãn da Silva Medeiros, 13 anos, vestido como italiano, ao lado de Rafaela Machado da Silva, que representava a esposa de Malinverni, participava da performance na entrada do Salão de Atos. “Nós estudamos a época, a vida e obra de Malinverni, e a escolha da performance, para homenageá-lo, foi feita por nós mesmos, porque é uma forma diferente de arte”, explicaram.

 

Assess. de Comunic. Social da  PML - Fotos: Sandro Scheuermann