O Secretário de Segurança do Patrimônio Público e das Pessoas de Lages, Paulo Dellajustina, apresentou um número estarrecedor hoje pela manhã (29/04), durante reunião mensal do Conselho de Segurança de Lages - Consel - realizada na CDL. 

Segundo ele, dos 93 mil veículos de Lages (incluindo aí motos, caminhões, ônibus e vans), quase 1/4, ou cerca de 25 mil, estão rodando com algum tipo de irregularidade na documentação (ou não foi pago IPVA, ou não teriam os dispositivos de segurança necessários e exigidos por lei, ou não foi pago o licenciamento, etc). 

Dellajustina justifica assim um dos grandes problemas do trânsito de Lages: a falta de preparo dos motoristas da cidade e de educação no trânsito. 

PERGUNTAMOS: Se tem tantos veículos assim andando irregularmente na cidade, de quem é a culpa por isso? O que estão fazendo nossas autoridades (inclusive os Agentes de Trânsito e a Polícia Militar)? Não deveriam estar fazendo blitz e fiscalizando? Retirando de circulação os veículos irregulares? A quem cabe coibir e fiscalizar isso, Sr. Dellajustina?