Comunicado do Inter de Lages 

A respeito da celeuma do fechamento dos estádios nas duas primeiras rodadas da Série B, não podemos, no momento, ser taxativos sobre o que acontecerá porque ainda estamos levantando todas as informações para saber que medidas serão tomadas. Mas, para não deixá-los no escuro, relatamos o que temos até agora:

- O Ministério Público, a Federação Catarinense de Futebol (FCF), a Associação de Clubes e os clubes das séries A e B assinaram um termo de ajustamento de conduta (TAC) em 17 de dezembro de 2013 no qual os clubes se comprometiam a respeitar uma série de datas e exigências para ter seus estádios liberados para a disputa de seus campeonatos;

- As discussões ocorreram ao longo do ano de 2013. O Inter de Lages não participou de nenhuma delas porque, em 2013, o clube estava na divisão de acesso (atual Série C) do estadual - e o TAC, reiteramos, estava restrito aos clubes das série A e B;

- A Fundação Municipal de Esportes (FME), órgão da prefeitura de Lages que administra o Estádio Municipal Vidal Ramos Júnior - e é, portanto, a responsável pela obtenção das licenças e laudos -, está trabalhando no mínimo desde fevereiro para fazer melhorias e adequações no estádio (e ele, é bom lembrar, estava completamente funcional e legal até dezembro de 2013, quando o Inter disputou a final da divisão de acesso);

- O prazo exigido pelo TAC para que os clubes da Série B tivessem os estádios liberados era de no máximo 35 dias do início do campeonato. ANTES DISSO, no dia 14 de junho de 2014, a FME solicitou à Polícia Militar que fizesse a vistoria no estádio. A vistoria foi feita no dia 1º de julho e o laudo foi entregue no dia 15 de julho;

- Por não ser dono do estádio, o clube não tinha ingerência sobre as ações, mas acompanhou atenta e constantemente os trabalhos para dar suporte à FME no que fosse necessário, na parceria frutífera e cordata que há entre as duas entidades;

- TODOS os itens de segurança exigidos pelas autoridades já foram entregues, e nova vistoria já está inclusive agendada para a próxima semana. O Vidal Ramos Júnior é um estádio seguro, assim como já era em 2013;

 

- Todos os esforços do clube e da FME estão sendo feitos para esclarecer esses fatos e assegurar a abertura dos portões no dia 27 de julho.

Enviado pela Assess. de Imprensa do Inter de Lages