Todos os quatro integrantes do quadrangular decisivo da Série B - Internacional de Lages, Camboriú, Concórdia e Guarani de Palhoça - ainda têm chances de chegar à final da competição, o que garantirá também o acesso à elite do estadual. Mas, nesta quarta-feira, uma vitória colorada pode já dar ao Inter uma das duas vagas em disputa.

O Colorado Lageano enfrenta o Camboriú, fora de casa, a partir das 20h. Se vencer, o Inter chegará a 10 pontos na classificação do quadrangular. Matematicamente, essa pontuação assegura ao Inter a classificação, independentemente do resultado de Concórdia x Guarani, jogo que será realizado no mesmo horário, em Concórdia.

A possibilidade matemática não alterou em nada a programação ou o empenho do grupo comandado pelo treinador Leandro Niehues. O elenco treinou na segunda e nesta terça-feira. À tarde, a equipe embarcou para o litoral para a partida contra o Camboriú. A rotina de viagem com um dia de antecedência para evitar o desgaste dos atletas foi, portanto, mantida.

A cautela não é mera formalidade. O Camboriú é o único time que conseguiu fazer mais de um gol no Inter em todo o campeonato. Em um dos jogos mais eletrizantes da competição até o momento, com três viradas de placar, o Camboriú derrotou os colorados por 4 a 3 na quinta rodada do returno. A vitória foi um resultado-chave para o Camboriú conquistar o returno.

Dos quatro clubes do quadrangular, o Inter é o que está há mais tempo longe da elite do Catarinense. A última participação do Inter na primeira divisão do estadual foi em 2002. Depois disso, o clube passou cinco temporadas na segunda divisão (de 2004 a 2008) e quatro na terceira (2010-2013), além de duas temporadas sem entrar em campo (2003 e 2009). Camboriú e Guarani passaram pela Série A em 2013 e o Concórdia, em 2011.

 

Célio Amorim será o árbitro de Camboriú x Inter. Ele será auxiliado por Éder Alexandre e Eli Alves.