Em construção na parte lateral do estacionamento do ginásio de esportes Jones Minosso, a Praça dos Esportes e da Cultura (PEC) compõe o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2), do governo federal, de onde provêm os recursos para subsidiá-la. As obras, iniciadas em julho de 2013, seguem normalmente, executadas pela empresa Construtora Evoluta, de acordo com o engenheiro civil fiscal da obra, da Secretaria de Infraestrutura, Edson Teixeira da Silva.

A Praça está situada na rua Archilau Batista do Amaral, bairro Universitário. Terá três mil metros quadrados. Consiste em um equipamento de integração das atividades com serviços de qualificação profissional e socioassistenciais; políticas de prevenção à violência e inclusão digital. Os investimentos serão na ordem de aproximadamente R$ 2 milhões, além de R$ 266.206,21 de contrapartida do Município para aquisição de equipamentos e mobiliário; R$ 21.950,00 do governo federal estão reservados para as mobilizações em diferentes bairros. 

Fase atual da obra

Na licitação, o recurso público foi economizado e a obra custará R$R$ 1.887.310,81. “Houve alguns impasses no decorrer do percurso, referentes a aditivo em contrato, mas foram equacionados. A obra nunca parou”, relata. Quanto às pichações na pista de skate, há uma planilha orçamentária no memorial descritivo que prevê pagamento de vigilante para fazer segurança no local (o que não estaria ocorrendo). “Sem vigilância, meninos tiram os tapumes do lugar para ter acesso à rampa”, explica o fiscal.

Ele pontua que a administração municipal, como fiscalizadora, tem se dirigido às obras para averiguar as condições. No fim do ano passado houve reunião com a empresa, quando se tratou da segurança, sendo pedidas providências. “Quando for entregue à comunidade, a empresa deverá ter feito a manutenção e recuperação”, ressalta. A parte externa da Praça está pronta, conforme Edson, com rampa de skate, quadra de esportes e salas.

A atual fase está na colocação das peças na parte interna, ou seja, pias e vasos sanitários nos banheiros, e acabamentos. Os próximos passos se referem ao lançamento de edital para a compra de equipamentos de informática e mobiliário. A entrega dependerá do transcorrer da licitação. A previsão era para novembro de 2014, mas foi necessário um aditivo de prazo. 

Composição

As PECs compõem o PAC 2 no Eixo Comunidade Cidadã, assim como outros equipamentos sociais de saúde, educação e segurança pública. Um Centro de Referência em Assistência Social (Cras) será instalado na Praça, voltado à proteção social básica do Sistema Único de Assistência Social (Suas). O espaço esportivo será composto por quadra poliesportiva coberta, equipamentos de ginástica e de alongamento, mesas de jogos, pista de skate e de caminhada, playground, e academia de ginástica ao ar livre. A quadra será coberta devido a uma alteração no projeto padrão nacional, diante do clima frio da região.

Do espaço Mais Cultura farão parte biblioteca, telecentro, cineteatro/auditório com capacidade para 60 lugares, oficinas e auditório. Para compor o acervo da biblioteca serão comprados mil títulos. Dois edifícios com salas multiuso estarão destinados a atividades diversas. A ideia do governo federal é promover a cidadania em territórios de alta vulnerabilidade social das cidades brasileiras. A concepção, objetivos e projetos arquitetônicos de referência das Praças foram desenvolvidos por equipe multidisciplinar e interministerial.

 

Informações Secretaria de Comunicação Prefeitura de Lages