Por volta das 5 horas da manhã deste sábado (21/11), na Av. Santa Catarina, bairro de mesmo nome, no local que ficou popularmente conhecido como "curva da morte", três jovens perderam a vida vítimas de acidente de trânsito. 

O chevette vermelho, placa LXL 5677, de Lages, vinha no sentido bairro/cidade. E estava sendo conduzido pelo jovem Bruno de Deus Florentino, de 20 anos. Acompanhavam o motorista as jovens Rayana B. da Silva, 18 anos e Naiara Aparecida Vaz Branco, 14 anos. Os três morreram na hora ao se chocarem de frente com um caminhão Mercedes Benz, placa MAP 9599, de Lages, conduzido pelo verdureiro Alexandre Garcia de Lima, 36 anos (ileso), que vinha em sentido contrário (se deslocava para a BR-116).  

O choque frontal foi tão violento que o chevette ficou totalmente destruído, sendo que parte do caminhão ficou em cima dos ferros retorcidos do chevette. 

O Corpo de Bombeiros e o  SAMU foram acionados imediatamente. Mas quando lá chegaram nada puderam fazer pois os três ocupantes do chevette estavam sem vida. 

Populares informaram que os três jovens voltavam de uma balada, que aconteceu na antiga BR-02 num local chamado "Castelinho". Lá, teriam ingerido bebidas alcoólicas, inclusive tendo sido encontradas latinhas dentro do carro. 

A curva da morte, o excesso de velocidade - e provavelmente o álcool - fizeram mais três vítimas. Agora, são três famílias que choram seus mortos. Trágico. Lamentável. Muito triste. 

Com informações e fotos de Jatir Fernandes - www.noticianoato.com.br - além de fotos de Thiago Rodrigues