Diz um texto maravilhoso na Bíblia Sagrada que existe hora para tudo nesta vida:

- Hora para sorrir - e hora para chorar;

- Para trabalhar - e para descansar;

- Para plantar - e para colher;

- Para falar - e para ficar calado; 

E por aí afora (Eclesiastes - 3;1-8). 

Pois então - com o país numa crise econômica jamais vista na história - um PIB que se retraiu 3,8% em 2015 e que deverá fechar o ano em - 4%  em 2016. Com quase 11 milhões de desempregados apenas entre a população economicamente ativa....(mais ou menos 100 milhões no Brasil). 

Com inúmeras pessoas se sujeitando a ganhar menos - ou a trabalhar em profissões que não gostam - para se manter na ativa e conseguir  pagar as contas no final do mês. 

Com todos os Governos (Federal, Estaduais e Municipais) - com suas contas quebradas e aos frangalhos. 

E tem gente que numa hora dessas NÃO ACEITA 8% DE "REPOSIÇÃO" E QUER MAIS. PODE UMA COISA DESSAS? (Nem os bancos, pasmen, remuneraram em 11,28% o dinheiro aplicado em Caderneta de Poupança, que em 2015 ficou em míseros 8,30%). 

JAMAIS EM MINHA VIDA FUI CONTRA PROFESSOR - E SEUS LEGÍTIMOS DIREITOS DE GANHAREM MAIS E MELHOR. Afinal, é o professor que ensina as pessoas para serem médicos, juízes, advogados, jornalistas, astrônomos, palentólogos e até Presidente da República.

Mas,  tenho de admitir que numa hora dessas seria momento  de REZAR A DEUS por ter um trabalho fixo - e estabilidade no emprego  - E JAMAIS FAZER GREVE OU PARALISAÇÃO, PEDINDO MAIS (aliás, se eu fosse o prefeito Elizeu Mattos nem os 8% eu concederia tal a dificuldade depois que terá para honrar esse compromisso). 

Ainda mais em se tratando de ano eleitoral - QUE A GENTE SEMPRE SABE QUE TIPO DE INTERESSES HÁ POR TRÁS DE QUALQUER PARALISAÇÃO DE SERVIDORES PÚBLICOS NESTE PERÍODO. 

PORTANTO, VOCÊS DEVERIAM IR  PARA AS ESCOLAS DAR AULAS - SENHORES PROFESSORES MUNICIPAIS DE LAGES. NADA JUSTIFICA - NESTE MOMENTO - FAZER GREVE. 

É o que penso..... 

Loreno Siega - Revista Visão - Foto: www.edsonvarela.com.br