Foi realizada nesta quinta-feira (07) uma reunião com representantes da Agência de Desenvolvimento Regional – São Joaquim, Prefeitura de São Joaquim, Casan, o engenheiro fiscal da Secretaria de Estado da Infraestrutura, Ivan Amaral e a empresa Cege, contratada para a execução das obras de Revitalização de São Joaquim.

O objetivo do encontro foi definir ajustes e encaminhamentos do final da obra de Revitalização, prevista para ser concluída no mês de julho. O engenheiro fiscal, Ivan Amaral, da Secretaria de Estado da Infraestrutura, explica que ainda falta a medição final, a qual só será realizada após a empresa cumprir os ajustes necessários, apontados durante o encontro.

O engenheiro ressalta que, ainda assim, a obra possui uma garantia de cinco anos, mas a garantia não é estendida para casos onde foi constatado que os dano foram causados por mau uso, citando como exemplo, o tráfego de caminhões pesados, estacionamentos de veículos sobre as calçadas e colisões nos meios-fios, entre outros.

Idealizada pelo Governo do Estado, através da Secretaria de Estado do Planejamento, e executada e fiscalizada pela Secretaria de Estado da Infraestrutura, a obra conta com um investimento de R$ 7 milhões, do Pacto por Santa Catarina.

A revitalização incluiu a construção de calçadas e pavimentação asfáltica em trechos das Ruas Marcos Batista, Murilo Bortoluzzi e Getúlio Vargas, as laterais das Praças João Ribeiro e Cesário Amarante e a Rua Lauro Muller. Também integraram o projeto, as Ruas Manoel Joaquim Pinto e Major Jacinto Goulart que recebem a construção do pavimento em paver em toda a via. A drenagem, sinalização horizontal e vertical também foram realizadas nas referidas ruas.

 

Mobiliário, paisagismo e Código de Postura

A secretária executiva da Agência de Desenvolvimento Regional, Solange Scortegagna Pagani afirmou que o Estado trabalha na elaboração do Edital para aquisição do Mobiliário Urbano das ruas do boulevard. Deverão ser investidos pelo Governo do Estado aproximadamente R$ 300 mil para a aquisição de bancos, lixeiras, vasos, bicicletários, bituqueiras, painéis informativos e quatro pergolados.

A parte de paisagismo está sob a responsabilidade da Prefeitura de São Joaquim, através da Secretaria Municipal de Agricultura.

Outro encaminhamento da reunião foi a solicitação para que a Prefeitura de São Joaquim, regulamente o uso coletivo/privado do espaço público, para disciplinar a utilização através de legislação ou normatização municipal.

 

Assess. de Imprensa da ADR São Joaquim - Foto: Divulgação