Famoso blogueiro da cidade - que ultimamente tem se identificado "bastante" com determinada candidatura à Prefeitura de Lages (ele tem todo o direito - já que vivemos numa democracia - com liberdade de imprensa e de opinião) - colocou uma foto da Executiva do PP com o sugestivo título de "COALIZÃO CONTRA O MAL". 

Com todo o respeito que tenho pelas pessoas da foto - a grande maioria deles gente honesta e batalhadora (e dos quais não tenho nenhuma queixa) - mas não seria um pouco de exagero o tal do título do blogueiro?

Para "refrescar a memória"....

Quero questionar que se isso daí for a tal da "Coalizão contra o mal" - o que dizer então dos roubos no setor de RH de um tal de André Rau Ávila, que desviou  diretamente para suas contas mais de R$ 350 mil  (sem falar nos outros valores que arranjava para outras pessoas como empréstimos consignados - cujo montante foi bem maior do que isso? Pior: o dito cujo (André Rau) ficou 22 meses recebendo valores astronômicos em sua folha de pagamento e ninguém da "COALIZÃO CONTRA O MAL" sabia disso!!!!!

- O que dizer então das eternas obras que nunca começavam e quando começaram ficaram enroladas e sem nexo como a Rua Cirilo Vieira Ramos (vcs lembram disso?), dos inúmeros "rolos" com a pavimentação da Av. Duque de Caxias (que só foram terminar agora há pouco, na administração que "acabou com Lages"), o que dizer então da falta de ações para gerar empregos daquela desastrada gestão  (qual a indústria que essa tal "Coalizção contra o mal" trouxe para Lages?).... e por aí afora....

- O que dizer do superfaturamento na compra de oxigênio para os pacientes do Pronto Socorro? (cujos preços foram 3 vezes acima do valor real).... o que dizer da compra de pavers que não se sabe onde foram colocados? (processo que a PF investigou e comprovou as falcatruas mas que alguém no Judiciário "sentou em cima" até hoje)..... 

É bom o lageano ter memória destas coisas. Afinal, todos sabem que Lages evoluiu muito nos últimos anos. Se foi mérito deste ou daquele - se o dinheiro veio do Governo Federal ou do Governo do Estado  (isso aconteceu porque certamente havia uma liderança ou gente que correu atrás) isso tudo  o lageano saberá distinguir e julgar. E isso só vai acontecer lá no comecinho de outubro, diante das urnas, em votos livres e soberanos. 

Costumo dizer - quando me perguntam - qual seria o melhor prefeito para Lages? Eu respondo: aquele que vencer as eleições de maneira honesta, limpa e transparente. E que fizer mais - mas muito mais do que aqueles que já estiveram ou estão no poder. Se fizer menos, será um prefeito ruim. E se fizer mais - independente de quem seja (e de que partido ou coligação for) - terá todo meu apoio, respaldo e aplausos. 

Loreno Siega - Revista Visão