A implantação de lombadas físicas e minirrotatórias em pontos estratégicos da malha viária urbana visa maior segurança para motoristas e pedestres. As melhorias são executadas pela Secretaria Municipal de Segurança e Ordem Pública, através da Diretoria de Trânsito (Diretran), em parceria com a Secretaria de Meio Ambiente e Serviços Públicos.

Na rua João de Castro, a poucos metros do ponto de cruzamento com a rua Rui Barbosa, no Centro, a construção de lombada física foi a solução encontrada pela prefeitura para conter a alta velocidade desenvolvida pelos motoristas. “Esse cruzamento é muito movimentado. Com a lombada física os motoristas que sobem pela João de Castro são obrigados a reduzir a marcha e, consequentemente, a velocidade. Com isso, diminui a possibilidade de acidentes”, justifica o diretor da Diretran, Gustavo Oliveira.

Quanto às minirrotatórias, várias delas foram implantadas no perímetro urbano de Lages. A mais recente, no cruzamento das ruas Walmor Ribeiro e XV de Novembro, entre os bairros Coral e Sagrado Coração de Jesus. E outra na avenida 31 de Março, no bairro Guarujá.

São feitos estudos para implantação de minirrotatória no cruzamento das ruas Professor Simplício e Heitor Villa-Lobos, via de acesso ao Instituto Federal de Santa Catarina (Ifsc) e ao Parque Órion. “Inicialmente realizamos testes com a utilização de cones e fiscalização direta dos agentes de trânsito. Com base nos resultados (fluxo normatizado do trânsito), são traçadas as linhas definitivas e implantada a minirrotatória”, finaliza Gustavo.

 

Assess. de Imprensa da PML - Foto: Cao Ghiorzi