Os todo poderosos empresários Emílio e Marcelo Odebrech - Pai e Filho - além de mais 77 executivos da empresa - fecharam nesta semana com o Procuradoria Geral da República - um amplo acordo de delação premiada com a Operação Lava Jato. 

Foi divulgado que pelo acordo a Construtora Odebrech vai devolver aos cofres  públicos, em 20 anos, o equivalente a R$ 6,8 bilhões de reais, surrupiados em superfaturamentos de obras públicas ao longo dos anos. 

Pelo acordo, ainda, essas 77 pessoas, além dos dois donos da empresa, vão "colaborar" com as investigações, revelando o que sabem, entregando provas e "dedurando" políticos e funcionários da Petrobrás beneficiados pelo esquema. 

Falou-se também que há uma lista de pelo menos 200 políticos que teriam sido beneficiados com recursos amealhados pelo esquema (provavelmente dinheiro para campanhas políticas e/ou enriquecimento ilícito). 

Eu estou esperando ansiosamente pela revelação desses nomes..... vamos ver de quantos partidos haverá gente envolvida. Parece que alguns "santos" aqui de Santa Catarina não estão dormindo muito tranquilos com essas notícias.....

Loreno Siega - Revista Visão