No início da tarde desta quarta-feira (17/05), a diretoria do Simproel foi até a prefeitura reivindicar uma solução viável para os servidores que aderiram à greve geral do dia 28 de abril. A presidente Elaine Moraes, a tesoureira Cleusa Sanzovo, e o diretor administrativo Sérgio Campos, pediram para o prefeito Antônio Ceron reavaliar a decisão de descontar o dia de trabalho.

Os membros da diretoria explicaram ao prefeito que a paralisação foi motivada por um tema de âmbito nacional: a luta contra a Reforma da Previdência. O prefeito entendeu a explanação, e determinou que o dia seja reposto ainda este mês.? ?Dessa forma, o dia não será descontado.

Assess. de Imprensa do Simproel