A prefeitura de Lages tem um financiamento de R$ 2,5 milhões para a pavimentação da Avenida Antônio Ribeiro dos Santos, cuja obra está parada há quase um ano. O dinheiro está bloqueado pelo Badesc por inadimplência do Executivo municipal. Na noite desta segunda-feira, o prefeito Antônio Ceron e o deputado Gabriel Ribeiro discutiram uma alternativa com o presidente do banco José Caramori.

 

O Badesc poderá retomar os repasses, mas em seis meses a prefeitura teria que começar a devolver o financiamento. Com o apoio técnico, os três entendem que a melhor saída seria esquecer os R$ 2,5 milhões e buscá-los novamente. Neste caso, a prefeitura ganharia o prazo de 12 meses de carência e outros 36 meses para a amortização do financiamento.

Para a mudança na operação, a Câmara de Vereadores terá que aprovar nova autorização para a abertura de crédito. Caramori acredita que, após esta aprovação, a tramitação dos documentos demoraria menos de um mês. Ceron disse a Caramori que discutirá o assunto internamente. Ele estava preocupado com o tempo para se refazer o processo, mas saiu animado e inclinado a fazer o financiamento desta forma. 

 

Tarcísio Poglia - Assess. de Imprensa deputado Gabriel Ribeiro