Uma das coisas que ficaram bastante evidentes após todas essas cheias no Rio Carahá e seus afluentes é a responsabilidade das pessoas para agravar ainda mais o problema do excesso de água nos rios e córregos. 

As fotos são a melhor prova de que o ser humano, com suas ações, contribui muito para o agravamento da situação. 

Impressiona muito a grande quantidade de lixo que bóia sobre as águas durante cada enchente. Isso sem falar naqueles detritos mais pesados que ficam submersos. 

Já se encontrou quase de tudo dentro dos rios: geladeiras, aparelhos de TV velhos, sofás, pedaços de roupeiros, capacete de motos, garrafas pet, plástico, papelão, latas,  pedaços de madeira e até veículos velhos. 

Lixo deve ser jogado no seu lugar certo: o aterro sanitário da cidade. Ou então em locais onde se possa deixá-lo depositado até sua destruição (caso de eletroeletrônicos) e o lixo comercial e industrial. 

As fotos falam por si. 

Fotos: Divulgação Ascom/PML