Quando as temperaturas caem (como nesta segunda-feira pela manhã), frequentemente recorremos a aquecedores e aparelhos de ar condicionado para manter conforto térmico. No entanto, esses dispositivos diminuem a umidade do ambiente causando o ressecamento das vias aéreas, podendo desencadear sangramentos nasais, tosse, sensação de garganta irritada, olho seco e crises alérgicas. Os portadores de problemas respiratórios devem ter especial atenção para não haver o agravamento de doenças como asma, rinites, sinusites, bronquites e enfisema.

 

Recomenda-se que a temperatura fique entre 20º e 22ºC, desta forma, evita-se mudanças bruscas de temperatura ao entrar e sair dos ambientes. Outra orientação é o uso de umidificadores ou recipientes com água, que aumentam a umidade do ar. Apesar do frio, é importante manter uma janela ou porta entreaberta para permitir a circulação e renovação do ar.

 

Enviado por Dr. Cássio Rafael de Melo - Pneumologista da Cliniar Medicina Respiratória