O serviço de padaria e confeitaria funciona há mais de 20 anos neste local, no Bairro Universitário, fundos da Uniplac. Até seis meses atrás, os trabalhos estavam sendo conduzidos pela Associação de Assistência Social, Trabalho e Cidadania (Samt). Com o fim da entidade, a Secretaria de Assistência Social e Habitação deu início ao processo de transferência das instalações para o Município. Na manhã desta quinta-feira (9), a produção normal foi retomada, com a supervisão do secretário Samuel Ramos.

Com funcionamento de fevereiro a dezembro, a padaria obedece ao calendário escolar. A maioria da produção é direcionada para atender as escolas. Porém, contempla também outras secretarias, caso da Saúde, e várias entidades representativas como as Associações de Moradores, e eventualmente, eventos comunitários. Com toda a estrutura funcionando, a produção atinge atualmente a média de 10 mil pães por dia, mas, caso haja demanda, tem capacidade para dobrar a produção. Ao mês, a padaria pode produzir até 350 mil pães.

Neste processo de transição, todo o corpo funcional precisou ser remanejado. A contratação de novos padeiros e confeiteiros se deu através do processo seletivo. Conforme relataram o secretário Samuel Ramos e a coordenadora da padaria e confeitaria, Carmen Colombo, a partir da nova concepção administrativa, o custo de manutenção diminuiu. A economia mensal aos cofres do município passa de R$ 20 mil.

Fotos: Ary Barbosa