A ser desenvolvido pela equipe de educadores físicos da Secretaria Municipal da Assistência Social e Habitação, o Projeto Lages Leãozinho, em parceria com o Internacional, visa à inclusão social através do esporte e, ao mesmo tempo, oportunizar atividades esportivas e de lazer as crianças a partir dos sete anos e aos adolescentes até 14 anos.

O esporte serve como uma ferramenta de inclusão e auxílio no processo de controle da evasão escolar, pois a frequência será um dos critérios de inscrição no projeto. “Pretendemos trabalhar com o esporte pedagógico no sentido de orientar as crianças e jovens pela busca de um estilo de vida saudável, pela cultura da paz, pela cultura do respeito e solidariedade, pela importância de afastá-los das drogas e violência”, justifica o educador físico, Tyrone Machado.

Será trabalhado com a oferta das escolhinhas em núcleos espalhados pelos bairros. O primeiro será o Guarujá, com lançamento oficial no dia 28 de agosto, às 14h. Neste dia o projeto será apresentado à comunidade. Na oportunidade os pais ou responsáveis pelas crianças e adolescentes deverão comparecer para que sejam efetuadas as inscrições.

Com a parceria junto ao Inter haverá as seguintes vantagens:

- As crianças e adolescentes participantes do projeto entrarão em campo com os jogadores em disputas oficiais e/ou amistosas;

- Os participantes conhecerão a estrutura do clube, como vestiários e locais de concentração;

- Os jogadores do Inter irão visitar os núcleos e compartilhar suas experiências;

- As crianças e adolescentes serão encaminhados com mais facilidade para as categorias de base do Inter, e

- O Inter irá fornecer uniforme personalizado às crianças participantes.

 

Imagem: Divulgação - Texto: Ascom/PML