Uma das feiras mais antigas do Sul do Brasil, com seis décadas de tradição, a Expolages valoriza a história e evidencia o agronegócio na Serra Catarinense. A edição de 2017 começou na noite desta quinta-feira, 12 de outubro, e segue até o próximo domingo, dia 15, no Parque de Exposições Conta Dinheiro.

Nesta edição estão expostos 1,3 mil animais entre bovinos, ovinos e equinos, cujos leilões devem movimentar aproximadamente R$ 2,5 milhões. Para o leilão de gado geral, que no ano passado gerou R$ 1 milhão em vendas, estão previstas 600 cabeças.

Parceira histórica do evento, realizado pelo Sindicato Rural e pela Associação Empresarial de Lages (Acil), a Prefeitura contribuiu neste ano com R$ 75 mil, enquanto o Governo do Estado aportou outros R$ 170 mil.

Presentes à solenidade de abertura na quinta-feira à noite, o prefeito Antonio Ceron e o governador Raimundo Colombo destacaram a importância da Expolages para a economia e o desenvolvimento da Serra Catarinense.

"A agropecuária existia antes de Lages, pois quando Correia Pinto saiu de São Paulo e chegou aqui para fundar a nossa vila, já encontrou os rebanhos. A Expolages perenizou a atividade, e hoje temos animais com qualidade e genética que nos orgulham. No estacionamento do parque a maioria dos carros é de fora, o que mostra a importância econômica dessa grande feira. Para muitos, o interior é visto como problema. Mas para nós é solução. Por isso investiremos R$ 10 milhões na melhoria das estradas rurais e somos parceiros de eventos que incentivem o setor produtivo e tragam pessoas para a nossa cidade", disse o prefeito Antonio Ceron.

"A Expolages representa como poucos eventos o trabalho de um povo. Também simboliza a nossa força e os nossos valores. Estamos fazendo mais qualidade com menos custo, e as pessoas estão vindo buscar o nosso produto. Vamos aumentar as exportações. É hora de produzir e acreditar, pois precisamos avançar o desenvolvimento da região. Fazemos isso por meio de incentivos aos produtores, programas para melhorar a qualidade genética dos animais e obras de infraestrutura em regiões estratégicas, como a futura pavimentação da rodovia da Coxilha Rica", concluiu o governador Raimundo Colombo. 

Pablo Gomes - Assess. de Imprensa da PML - Fotos: Marcelo Pakinha e Nilton Wolff