IFSC Lages 7 anos – Para além do que foi sonhado

Oportunidades gratuitas de crescimento para as pessoas e de desenvolvimento para a Região Serrana. É isso que o Câmpus Lages do IFSC oferece à comunidade desde o dia 6 de dezembro de 2010, quando o Ministério da Educação emitiu a portaria nº 1.366/2010 que autorizou o seu funcionamento.

Dizer que isso antes era inimaginável pode parecer forte demais, um exagero. Mas eu pergunto a você, leitor: antes da chegada do IFSC a Lages qual jovem acreditava que era possível realizar um curso técnico ou superior totalmente gratuito, tendo 85% dos seus professores mestres ou doutores, com 31 laboratórios a sua disposição (mais de 4 milhões de reais em equipamentos) e durante o seu curso ter a oportunidade de estudar durante três meses na Europa com todas as despesas necessárias para isso sendo pagas pela instituição de ensino (que não cobra mensalidades)?

O que no passado poderia parecer “pedir demais”, ao longo desses últimos 7 anos é realidade. Ontem, dia 5 de dezembro, por exemplo, tivemos o resultado do 13º edital do programa interno de intercâmbio do IFSC. Aqui do Câmpus Lages, quatro alunos seguirão para a Europa. A Ritiéli Hamerski Cabral do curso técnico em Mecatrônica segue para o Instituto Politécnico do Porto em Portugal. O Leonardo Araldi, aluno do curso técnico em Agroecologia, segue para um Liceu Agrícola na França. Já os alunos do curso superior de Ciência da Computação, Willian Pereira dos Anjos e Eduardo Natan Bitencourt, irão estudar na Hame University of Applied Sciences – HAMK na Finlândia.

Esses não são os únicos alunos do Câmpus Lages do IFSC que já participaram desse projeto. Lucas Schwantes de Lima ainda não está em Portugal e outros alunos já participaram em outras edições). Mas fiz questão de mencionar os contemplados nesta última edição para reforçar a minha ideia de que a chegada do IFSC a Lages trouxe para os jovens oriundos de todas as classes sociais, possibilidades únicas de crescimento.

O que é preciso para agarrar essas oportunidades? Determinação, motivação, vontade! Pois temos muitas opções de formação à disposição da comunidade! Já ofertamos mais de 40 opções diferentes de cursos de curta duração (um a seis meses de duração) e, no próximo mês de janeiro, vários cursos novos estarão com inscrições abertas.
 
De forma regular, temos atualmente três opções de cursos de pós-graduação: Gestão Escolar, Tecnologias e Práticas Educacionais e Agroecologia. Também são três os cursos superiores: Ciência da Computação, Engenharia Mecânica e Processos Químicos.
Ofertamos ainda sete opções de cursos técnicos: Agroecologia, Biotecnologia, Análises Químicas, Eletromecânica, Mecatrônica e as novidades para 2018 são Informática para internet e Administração.
 
Todos esses 7 cursos técnicos que mencionei acima estão com inscrições abertas até o dia 10 de dezembro, que podem ser feitas pela internet (sem nenhuma taxa) e a seleção dos candidatos será feita através de sorteio público (ou seja, sem prova e todos com chances iguais).

Uma vez cursando um de nossos cursos o aluno tem a possibilidade de se engajar em um dos vários projetos de pesquisa e extensão que são desenvolvidos no câmpus. Me orgulho de fazer parte da equipe de servidores públicos federais que estão trazendo tantas oportunidades para as pessoas da nossa região, pois temos certeza que uma educação profissional pública, gratuita e de qualidade é a forma mais promissora de promover o desenvolvimento social e econômico de nossa região!

Se a região, no passado, estava animada com as possibilidades que uma escola técnica federal poderia trazer, pode reforçar e multiplicar suas esperanças, pois o IFSC Lages vai muito além! Estamos planejando a oferta de novos cursos, em todos os níveis, visualizando até a perspectiva da oferta de um mestrado profissional.

Finalizo desejando parabéns ao Câmpus lages do IFSC pelos seus sete anos! Parabéns aos nossos servidores e alunos! Parabéns a você que será nosso aluno no futuro! Parabéns à Região Serrana!

Thiago Meneghel - Diretor-Geral - Câmpus Lages do IFSC