A Assembleia Legislativa e instituições parceiras premiaram as ganhadoras do Certificado e do Troféu de Responsabilidade Social – Destaque SC 2017. A sessão especial em reconhecimento às organizações que se destacaram em práticas de responsabilidade socioambiental foi realizada no Plenário Osni Régis, no início de dezembro.

O troféu é concedido às organizações que obtêm os melhores desempenhos na Certificação de Responsabilidade Social, uma iniciativa da Alesc e de outras 12 instituições que valorizam e estimulam a incorporação da sustentabilidade na gestão dos negócios. O critério de avaliação foi o balanço socioambiental relativo a 2016.

Na condução da solenidade, o presidente da Alesc, deputado Silvio Dreveck (PP), registrou a satisfação dos parlamentares em valorizar as empresas e entidades com atuação socialmente responsável. Para ele, a certificação é um reconhecimento que dá visibilidade às empresas e abre novas oportunidades de negócios, geração de emprego e renda. Dreveck destacou a credibilidade do processo de avaliação para outorga da certificação. “É um trabalho eminentemente técnico, com uma avaliação muito profunda, sem nenhuma conotação política”, elogiou.

A presidente interina da Comissão Mista de Certificação de Responsabilidade Social 2017, Raquel Souto, disse que é animador observar que a cada ano mais organizações se interessam e se preocupam com a gestão socialmente responsável. “Estamos no caminho certo, nosso estado, nossas organizações e a sociedade catarinense como um todo. A iniciativa vai além do reconhecimento, incentiva a adoção de práticas socialmente justas e responsáveis”, destacou.

 

Comprometimento
A Associação para o Desenvolvimento da Família - Banco da Família, participa da certificação pela quarta vez. "O comprometimento com a melhoria da qualidade de vida  das comunidades, aqui chamado de responsabilidade social, está no DNA da nossa instituição”, ressalta Isabel Baggio, presidente do Conselho de Administração.  

Assessoria de Imprensa do BF