Pela segunda vez, o Núcleo de Tecnologia e Inovação da ACIL é contemplado no programa Empreender Competitivo, edição 2017/2019, com o projeto intitulado “Aumento de lucro e competitividade com inovação para as empresas do Núcleo de Tecnologia e Inovação da ACIL”. Em 2013, o foco foi a melhoria na gestão das empresas participantes do projeto, nesta edição o objetivo é promover o crescimento e aumentar a competitividade destas empresas, através de ações que envolvem melhorias em todas as áreas de uma organização, como recursos humanos, processos, produtividade, gestão, marketing e comercial.

O resultado foi divulgado pela Confederação das Associações Comerciais e Empresariais do Brasil (CACB) nesta quarta-feira, 20/12. Em Santa Catarina, foram 69 propostas enviadas e apenas 19 projetos foram aprovados. O Núcleo de TI tem o prazo de dois anos para desenvolver o projeto, que tem início em 02 de janeiro de 2018. Dentre as ações descritas estão a realização de cursos, workshops, desenvolvimento de aplicativo e participação em feiras da área de tecnologia e inovação.

Sobre o Empreender Competitivo

É um programa que busca o fortalecimento das empresas, por meio do apoio a projetos de núcleos setoriais, tenham mais de 18 meses de atuação. De iniciativa da Confederação das Associações Comerciais e Empresariais do Brasil (CACB), com apoio do SEBRAE Nacional, o projeto é coordenado no estado pela Federação das Associações Empresariais de Santa Catarina (FACISC) e suas ações são executadas pelas Associações Empresariais que tiveram propostas aprovadas na Chamada Nacional de Projetos, realizada pela Confederação.

O objetivo do Empreender Competitivo é apoiar e estimular a competitividade das empresas participantes dos núcleos do Programa Empreender que estão em estágio maior de desenvolvimento e maturidade.

Sheila Rosa - Assess. de Imprensa da ACIL