O prefeito Antônio Ceron, acompanhado de seu vice, Juliano Polese, e do Secretário da Fazenda, Antônio Arruda – tendo ainda as presenças de todo seu colegiado – reuniram a imprensa na manhã desta quinta-feira (21/12) na Fundação Cultural de Lages para um café da manhã. Na oportunidade, Ceron apresentou um balanço das principais obras e realizações do primeiro ano à frente da Prefeitura. E, no final, abriu para perguntas da imprensa.

 Inicialmente, foi apresentado um rápido audiovisual mostrando as principais realizações, dentre as quais, destacamos:

- Pavimentação da Av. Nossa Senhora da Penha;

- Entrega da Estação de Tratamento de Esgoto e do Sistema de coleta do Complexo do bairro Araucária  (a ser feita em breve);

- Investimento de R$ 6 milhões (Governo do Estado) em melhorias nas estradas do interior (e mais R$ 4 milhões neste ano);

- Retomada das obras da Unidade de  Pronto Atendimento (UPA), que será concluída e entregue neste ano (término foi feito com recursos do município);

- Conclusão da Unidade Básica de Saúde do bairro Centenário;

- Pagamento e realização de mais de 5.000 consultas com especialistas (das 14 mil que haviam represado – restando ainda 8.500 por realizar);

- Zeramento no déficit de vagas na Educação Infantil (hoje estariam sobrando 587 vagas no sistema – e quando se assumiu o déficit era de 1.000 vagas);

- Programa de legalização de lotes urbanos (300 escrituras de lotes serão entregues no Gralha Azul até março de 2018);

-  Inauguração de um Centro de Convivência do Idoso (nas antigas instalações da Alteri) – E implantação para breve do Centro Dia do Idoso;

- Realização da 57ª edição dos Jogos Abertos de Santa Catarina (com grande destaque);

- Programa de Recuperação Fiscal – Refis – com boa adesão (arrecadando até agora mais de R$ 7 milhões);

- Pagamento de mais de R$ 20 milhões dos R$ 37 milhões de dívidas de curto prazo herdadas;

- Implantação do Programa Lages Bem Mais Simples (que vai facilitar a abertura de pequenas empresas – reduzindo a burocracia);

- Obras de desassoreamento do Rio Carahá;

- Retomada das obras da Av. Ponte Grande (há R$ 21 milhões em caixa do Governo Federal para a pavimentação dessa obra – ainda insuficientes para sua completa conclusão);

- Prosseguimento e continuidade nos projetos de Revitalização do Centro de Lages (cujo início e a licitação estão a caminho);

- Revitalização do Mercado Público (licitação também está a caminho);

Emendas do deputado Gabriel Ribeiro

Durante a solenidade, o deputado estadual Gabriel Ribeiro (PSD) anunciou três emendas para Lages, de sua cota de emendas impositivas. A primeira delas é de R$ 500 mil. E os recursos serão utilizados para uma revitalização completa das calçadas e passeios públicos ao longo da Av. Luiz de Camões (no bairro Coral). A segunda, no valor de R$ 180 mil – é para a implantação de uma praça junto à Igreja do Navio. E a terceira é no valor de R$ 2 milhões (recursos do Fundam II), para aquisição de 74 implementos agrícolas a serem utilizados pelas diversas Comunidades Rurais Organizadas de Lages.

O prefeito Ceron agradeceu ao deputado Gabriel Ribeiro por mais esses recursos. E deu também seu agradecimento público à deputada federal Carmen Zanotto (PPS), que tem destinado a Lages diversas emendas e recursos. Bem como ao deputado estadual Fernando Coruja, que também destinará algumas emendas de sua cota para Lages.

Gerar empregos e melhorar a economia

Por mais que tenha sido um ano bastante profícuo e de boas realizações, o prefeito Antônio Ceron disse que seu grande desafio à frente da Prefeitura é tentar incrementar a economia da cidade. “Estivemos por muitas décadas em 1º lugar entre as cidades de Santa Catarina em termos de economia. E hoje nossa posição é o humilhante 12º lugar. Temos de trabalhar muito para  recuperar essa posição. O meu e o nosso objetivo é dar  mais oportunidade de emprego e de renda à nossa população”, falou.

Neste sentido, Ceron disse que há perspectivas do anúncio de um grande investimento para Lages nos próximos meses. Mas que só fará isso quando todas as tratativas estiverem devidamente acertadas com os investidores. Ele também disse que a atual administração está buscando consolidar de vez o projeto Lages Business Park. Mas que esse é um investimento mais para o médio e longo prazos, mas que precisa ter efetividade agora para que dê certo. “Estamos dependendo apenas de algumas questões que dizem respeito aos investidores. E assim que isso estiver garantido, doaremos definitivamente o terreno para eles começarem a implantar o Lages Business Park”, falou o prefeito.

Reversão da doação de terrenos

Ceron também puxou a orelha de alguns empresários locais que no passado receberam áreas de terras com vistas a novos investimentos. “Nós temos pelo menos uns 10 a 12 empresários que ganharam terrenos e que não investiram nada. Mesmo que já tenham passado cinco anos dessas doações, nós vamos reverter essas áreas para quem efetivamente quer e precisa investir. Claro que vamos avisar todos. E, se for necessário, daremos um novo e curto prazo para que  façam esses investimentos. Mas é gente que tem grande poder aquisitivo, que foi beneficiado e que não investiu nada. Vamos reverter essas áreas, sim”, frisou.

Uma nova Estação de Tratamento de Água

Como investimentos, Ceron anunciou que está dando carta branca a Jurandi Agustini, da Semasa, para que ele conclua o projeto para a implantação de uma nova Estação de Tratamento de Água para Lages. “Já está mais do que na hora de uma nova ETA. A que temos, está sendo insuficiente para tratar tanta água, especialmente nos dias mais quentes do verão. Então, essa nova obra, que estimamos um investimento na faixa de  R$ 15 milhões, vai desafogar o sistema”, disse.

Ele também falou sobre o projeto de construção do novo Centro Administrativo. “Não queremos fechar questão com relação ao local porque isso poderá impedir que fechamos parcerias melhores para construir a nova prefeitura. Temos pelo menos duas propostas de investidores  para isso. E, se não der com estes, faremos financiamento paga pagar o investimento a longo prazo”, destacou.

 Texto e Fotos: Loreno Siega – Revista Visão