Pelo jeito, a "Escola" do Governo Colombo para ganhar mídia com obras está sendo copiada na Prefeitura de Lages. 

Colombo geralmente ganha mídia quando lança a licitação (faz alarde), quando dá a ordem de serviço e quando inaugura (se inaugura). 

Em Lages, está acontecendo a mesma coisa. 

Na Prefeietura de Lages, cada obra tem pelo menos dois momentos "oficiais", com presença do alcaide e seu time de secretários. Foi assim no começo das pavimentações lá na Penha, no Guarujá e também no começo de várias outras pequenas obras. E foi assim novamente hoje pela manhã lá na Rua Jorge Lacerda, que começou a ser pavimentada. 

Perguntamos: precisava fazer um alarde desses - com presença de prefeito, microfone, secretários e até autoridades convidadas para iniciar uma simples pavimentação de uma rua com menos de 500 metros? Não estamos dizendo que a obra não é importante. Só não precisava esse "alarde" todo. Mais ação e menos bajulação, por favor. 

Sinceramente, acredito que o prefeito e os secretários teriam coisa mais importante a fazer, do tipo: conseguir recursos para fazer uma bela pintura e revitalização no prédio do Museu Histórico Thiago de Castro (que está uma vergonha, em pleno centro da cidade), acelerar as cobranças das obras de Lages e região junto ao Governo do Estado (já que Colombo vai sair em breve), buscar recursos em Brasília ou Floripa para padronizar algumas calçadas públicas (do centro), por exemplo, que envergonham e nunca foram feitas, dar maior celeridade ao projeto do Lages Business Park.... e por aí afora. 

Loreno Siega - Revista Visão