Fazendo jus de que todo partido que se preza gosta mesmo é de poder e de cargos - indistintamente - o MDB de Lages reuniu ontem á noite sua Executiva Municipal. Foi na sede do partido.  

Em pauta, a participação de Lages na posse do vice-governador Eduardo Pinho Moreira, que no dia 16 de fevereiro assume o Governo de SC de forma interina. E também a possível ocupação de cargos no futuro Governo, que assume definitivamente no dia 04 de abril, data em que o titular do cargo, lageano Raimundo Colombo, renuncia para concorrer ao Senado da República nas eleições de outubro. 

Enquanto isso, a "República de Lages" - lageanos que foram para Florianópolis para assumir cargos no Governo Colombo - que são muitos, diga-se de passagem, vê com tristeza as tetas murcharem e terem de entregar, a conta gotas, seus cargos à turma do MDB. Resta saber se haverá espaço para toda essa gente lá de baixo na Prefeitura de Lages, que agora está sob o comando do amigo pessoal e correligionário de Colombo, Antônio Ceron. 

O que mais chama atenção na ida com sede do MDB ao Governo é qual será o cargo que o ex-prefeito de Lages, Elizeu Mattos, irá pleitear ou assumir a partir da posse de seu amigo Pinho Moreira no comando do Governo do Estado. 

Eu aposto que não será a ADR Lages (essa deverá ficar com o Hampel). Digo que Elizeu assumirá posto mais relevante em Florianópolis. 

Loreno Siega - Revista Visão - Fotos: Luciano Mortari