O projeto Rota Segura, contemplando a questão da acessibilidade nas vias urbanas, está sendo elaborado pela Secretaria Municipal de Planejamento e Obras, da Prefeitura de Lages.O Rota Segura será na verdade uma adaptação ao projeto de revitalização do Centro da Cidade de Lages, no qual se prioriza a acessibilidade às pessoas com deficiência física. Isso compreende a construção de rampas para cadeiras de rodas, linhas de calçadas com piso adaptado às condições especiais de deficientes visuais, por exemplo.

O Rota Segura prevê, inicialmente, a interligação do calçadão central de Lages à avenida Luiz de Camões, no bairro Coral, estendendo-se, portanto, ao longo da rua Correia Pinto, avenida Presidente Vargas, passando pelo cruzamento com a avenida Carahá, e dali seguindo até a Camões.“As melhorias urbanas na avenida Luiz de Camões segue projeto próprio, para o qual estão sendo esperados recursos provenientes de emenda parlamentar do deputado Gabriel Ribeiro”, destaca o secretário municipal de Planejamento e Obras, Claiton Bortoluzzi.

Outro ramal do Rota Segura interligará o calçadão da Praça João Costa às ruas de entorno do Parque Jonas Ramos (Tanque), passando pelas ruas Correia Pinto, Fausto de Souza e Emiliano Ramos (trecho da via Gastronômica).

“Outra questão a destacar sobre este importante projeto, é que todas as obras públicas da Prefeitura são executadas de acordo com normas e legislação pertinente à acessibilidade. Isso vale para os novos prédios públicos como para as vias reurbanizadas (pavimentadas), seja em áreas centrais ou periféricas”, conclui Bortoluzzi.

Fotos: Marcelo Pakinha - Texto: Ascom/PML