A Copa Santa Catarina é o primeiro passo para o Inter de Lages voltar a demonstrar sua força, acredita o treinador Fernando Lessa. Satisfeito com a vitória deste domingo contra o Operário de Mafra, o comandante colorado ressaltou o papel importante que a competição terá para a sequência do trabalho do clube.

"Temos que resgatar essa força colorada, a força do Inter de Lages, de uma imensa torcida", disse ele após a partida. "Vamos ambicionar, sim, a vaga na Copa do Brasil, e também queremos revelar atletas para serem aproveitados na Série B do ano que vem, quando o clube vai tentar voltar à Série A, lugar de onde não deveria ter saído."

De última hora, Lessa não pôde contar com atletas importantes do elenco, como o volante Bruno, o meia Marcos Paraná e o atacante Thiago Alagoano, considerados titulares. Os nomes dos atletas não entraram a tempo no BID, da CBF. Mas a baixa inesperada acabou servindo para mostrar a força do grupo.

"Os meninos que entraram deram conta do recado. É importante eles receberem a oportunidade e mostrarem que podem estar no plantel", afirmou o treinador. O meia Léo Bruno foi escalado no ataque e acabou marcando o segundo gol da vitória. Higor Ganso, lateral esquerdo de origem, atuou no meio-campo e acabou permanecendo em campo durante todos os 90 minutos.

 

Na segunda rodada, no próximo domingo, o Inter enfrenta o Marcílio Dias, em partida que será realizada em Itajaí. "Vamos ter agora uma semana cheia de trabalho para ajustar a equipe", disse o treinador.

Assessoria de Imprensa do Inter de Lages