Na semana em que país fica mais atento às questões relacionadas ao trânsito, o 6º Batalhão de Polícia Militar apresenta um levantamento de informações sobre as dez infrações mais cometidas em Lages. No período de setembro de 2017 a agosto deste ano, foram mais de 10 mil. No topo da lista está a falta do uso de cinto de segurança pelo condutor do veículo. Mais de 1,7 mil pessoas foram autuadas e receberam uma multa de R$ 195,23.

Além de infringir a lei, essas pessoas tornaram o trânsito menos seguro. Neste mesmo período, a PM atendeu 2.284 acidentes e removeu 3.645 veículos. Os policiais militares recolheram 422 carteiras de habilitação.

Numa análise levando em consideração a frota de Lages, a cada 100 veículos abordados, 10 entraram para a estatística de infrações.  O Código de Trânsito Brasileiro prevê penalidades e medidas administrativas para aqueles que não cumprem as regras. Elas vão de advertência por escrito a suspensão do direito de dirigir.

A Semana Nacional do Trânsito, iniciada no dia 18, segue até 25 de setembro com o lema “Nós Somos o Trânsito”. Na abertura das atividades, a PM recebeu radares portáteis para fiscalização da velocidade. O setor responsável pelo trânsito na PM está realizando ações educativas em alguns pontos da cidade.

 

Falta do uso de cinto de segurança pelo condutor (1.745) Conduzir veículo sem licenciamento (860) Dirigir veículo sem carteira nacional de habilitação (598) Permitir posse ou condução do veículo a pessoa sem CNH ( 310 ) Conduzir veículo com característica alterada (250) Conduzir veículo em mau estado de conservação (227) Dirigir veículo com CNH vencida há mais de 30 dias (201) Dirigir sob a influência de álcool (198) Falta do uso de cinto de segurança pelo passageiro (194) Usar equipamento de som em volume não autorizado (177)

 

 Texto e fotos: Catarinas Comunicação