A bancada de Santa Catarina na Câmara dos Deputados foi renovada em 68,75% neste domingo de eleições 2018. Onze rostos vão renovar as 16 cadeiras da representatividade catarinense em Brasília. São seis novos parlamentares a mais do que no último pleito, em 2014, quando apenas cinco nomes diferentes surgiram. Além das apenas cinco reeleições, Santa Catarina só elegeu outra parlamentar que já tinha passagem pela Câmara Federal, a ex-deputada Angela Amin, única pepista eleita para o Congresso. 

O candidato mais votado foi o apresentador de televisão Hélio Costa (PRB), com quase 180 mil votos. O índice de renovação supera o das eleições de 2010, quando entraram 10 deputados diferentes em relação à disputa anterior. Este ano, porém, aumentou o número de eleitos estreantes na política. 

E muito dessas caras novas vêm da onda Jair Bolsonaro, candidato do PSL à Presidência, cuja sigla elegeu quatro deputados federais em Santa Catarina, tornando o partido antes nanico na maior bancada catarinense na Câmara Federal. Os eleitos pelos PSL no Estado foram Daniel Freitas, Caroline de Toni, Fábio Schiochet e Coronel Armando. A segunda maior bancada é a do MDB, com três deputados eleitos: Carlos Chiodini, Celso Maldaner e Peninha. Em terceiro ficou o PSD, que elegeu Darci de Matos e Ricardo Guidi.

A alta votação de Hélio Costa (178.797 votos) puxou pelo quociente partidário seu colega de coligação Rodrigo Coelho, que é do PSB e conquistou 43,2 mil votos. Outro parlamentar que entrou pelo quociente partidário - divisão do total de votos recebidos nominalmente ou pela legenda – foi Gilson Marques, do Novo, que teve 27,4 mil votos. 

O PT catarinense diminuiu sua bancada na Câmara e na próxima legislatura terá apenas um parlamentar em Brasília: Pedro Uczai, que se reelegeu. O PSDB manteve apenas uma cadeira em Brasília, com a reeleição de Geovânia de Sá. As outras siglas com apenas um parlamentar são o PSB,  de Rodrigo Coelho, o PPS,  de Carmen Zanotto e o Novo, de Gilson Marques. 

Carmen Zanotto representa Lages em Brasília

A deputada Federal Carmen Zanotto foi a 9ª mais votada para a Câmara Federal. Ela obteve 84.703 votos, seis mil a mais do que na eleição passada, quando se elegeucom 78 mil votos. Ela continuará fazendo seu excelente trabalho para SC e para a Serra Catarinense. 

Deputados federais eleitos em SC: 

1) Hélio Costa (PRB) - com  179.307 votos,  5,06%

2) Daniel Freitas (PSL), com  142.569 votos,  4,02%

3) Professor Pedro Uczai (PT), com  114.743 votos,  3,24%

4) Caroline de Toni (PSL), com  109.363 votos,  3,08% 

5) Geovânia de Sá (PSDB), com  101.937 votos,  2,87% 

6) Carlos Chiodini (MDB), com  97.613 votos,  2,75% 

7) Fábio Schiochet (PSL), com  87.345 votos,  2,46%

8) Ângela Amin, (PP), com  86.189 votos,  2,43%

9) Carmen Zanotto (PPS), com  84.703, 2,39%

10) Celso Maldaner (MDB), com  80.086 votos,  2,26%

11) Peninha (MDB), com  76.925 votos,  2,17% 

12) Darci de Matos (PSD), com  68.130 votos,  1,92%

13) Ricardo Guidi (PSD), com  61.830,  1,74%

14) Coronel Armando (PSL), com  60.069 votos,  1,69%

15) Rodrigo Coelho (PSB), com  43.314 votos,  1,22%

16) Gilson Marques (Novo), com  27.443,  0,77%

Fonte: www.clickrbs.com.br