Jair Bolsonaro, candidato a Presidente pelo PSL (Partido Social Liberal), fez 65,82% dos votos válidos de SC (totalizando 2.603.665 votos). Foi o maior percentual de votos entre os 27 estados do Brasil e o Distrito Federal (isso já havia acontecido no segundo turno das eleições presidenciais de 2014, com Aécio Neves).  O segundo colocado, Fernando Hadad (PT), fez 15,13% (com 598.578 votos). A diferença pro Bolsonaro em SC foi superior a 2 milhões de votos para o  segundo colocado, Fernando Hadad (PT). 

Ciro Gomes foi o 3º mais votado em SC. Ele fez 6,68% dos votos válidos (totalizando 264.312 votos). O 4º mais votado foi  João Amoedo (Novo), com 4,01% dos votos válidos (158.562 votos). E o 5º colocado foi Geraldo Alckmin, do PSDB, que obteve 3,89% dos votos válidos (154.068 votos)

Votação para Presidente em Lages

Em Lages, Bolsonaro obteve um índice um pouco menor, 63,13% dos votos (56.922 votos), contra 15,32% de Fernando Hadad (13.817 votos). Ciro Gomes, o 3º colocado em Lages, fez 7,8% (7.035 votos). E Geraldo Alckmin, do PSDB, obteve um índice de 5,85% (5.277 votos). 

A diferença  pro Bolsonaro em Lages foi de  43.105 votos. 

Fonte: TRE/SC