Deputado estadual Gabriel Ribeiro, no apagar das luzes deste segundo turno das eleições, gravou depoimento para ser exibido no horário eleitoral do Comandante Moisés (PSL), declarando apoio. Fiquei espantado com a  atitude do deputado. Avalio que o faz perder muita credibilidade. 

Afinal, o PSD tem candidato no segundo turno, Gelson Merísio, do mesmo partido. Aliás, o próprio Merísio faltou com a honradez no final do primeiro turno ao optar, oportunisticamente, por Bolsonaro quando em sua coligação haviam pelo menos cinco outros  candidatos à Presidência no 1º turno. 

Raimundo Colombo, felizmente, se manifestou. Disse que não participou dessa decisão de Gabriel Ribeiro. E que não concorda. 

O que estaria querendo Gabriel Ribeiro com esse gesto? Vingança contra Merísio? Um cargo no futuro e provável Governo do PSL em SC?

Loreno Siega - Revistsa Visão