A 14ª Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas + Privadas (OBMEP 2018) foi realizada pelo Instituto Nacional de Matemática Pura e Aplicada (Impa) com apoio da Sociedade Brasileira de Matemática (SBM). Destinada aos alunos do 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental e Ensino Médio, de escolas públicas, municipais, estaduais, federais e privadas, obteve recorde de inscrições nesta edição, com a participação de mais de 54 mil escolas e 18 milhões de alunos.

A ação teve como objetivo promover o estudo da matemática no Brasil, melhorar a qualidade da educação básica, expandir a cultura da matemática, identificar talentos e incentivar os jovens ao ingresso em universidades nas áreas científicas e tecnológicas. 

Para dar incentivo na participação da olimpíada, o Colégio Sigma presenteou os alunos com as inscrições. A professora de matemática Danielle Ferreira foi a responsável pela preparação dos participantes através de aulões no contraturno e aplicação de simulados. A preocupação foi preparar os inscritos não só tecnicamente, mas também emocionalmente, uma vez que experimentaram pela primeira vez a sensação de participar de um evento nacional.

As etapas ocorreram em duas fases, uma em junho e a outra em setembro. Os participantes da OBMEP foram divididos em três níveis, conforme o grau de escolaridade. O Sigma participou com 35 alunos, sendo 24 para o nível 1 e, 11 para o nível 2. De acordo com o regulamento, apenas quatro alunos puderam participar da segunda fase, e destes, dois serão premiados. No primeiro nível, Laura Vítória Nunes, aluna do 7º ano e segundo nível, Ana Laura Werner Busato do 9º ano. Ambas receberão a premiação de Certificado de Menção Honrosa, prêmio destinado aos alunos que obtiveram maiores notas nas provas - excluídos os medalhistas ouro, prata e bronze. A premiação ocorrerá em 2019, a data e o local ainda serão definidos pela organização da OBMEP.

 “Estou muito feliz e gratificada com o resultado que conseguimos alcançar. Fomos a única escola particular de Lages a obter destaque na OBMEP. É uma honra trazer junto com as alunas esta Menção Honrosa para nossa escola e elevar o nome da nossa cidade”, afirma a professora Danielle.

A organização da OBMEP se reserva no direito de não divulgar as notas, com intuito de que não haja comparação entre as escolas, sejam elas públicas ou privadas, atingindo assim seu objetivo fundamental, que é o de contribuir favoravelmente com a educação básica em nosso país.

 

 

Juliane Godoy Carvalho - Assessoria de Imprensa do Colégio Sigma