Menos de dois meses após a troca de comando no Governo de Santa Catarina, o prefeito Antonio Ceron marcou presença no Centro Administrativoem defesa dos interesses de Lages. Na tarde de segunda-feira, dia 25, ele esteve em Florianópolis em sua primeira agenda oficial com a atual administração para tratar de diversos assuntos, em especial, os convênios vigentes entre Município e Estado.

O prefeito, que já foi secretário da Casa Civil na gestão do ex-governador Raimundo Colombo, foi recebido pelo atual chefe da pasta, Douglas Borba. Em pauta, a preocupação com a suposta transferência das gerências regionais de Educação, da Saúde e da Celesc para outras cidades. Ceron acredita se tratar de boatos, mas mesmo assim, pediu ao secretário que, se realmente houver essa intenção por parte do Governo, Lages não seja afetada com as mudanças.

Outro assunto foi o terreno onde seria construída a fábrica de caminhões da Sinotruck, às margens da BR-282, na localidade de Índios. Prefeitura e Governo do Estado já tinham encaminhamentos avançados neste sentido, mas as negociações travaram ao longo do ano passado. Agora, Ceron pede que o Estado fique com o terreno ou, na pior das hipóteses, conceda uma carência de seis meses e permita o pagamento em até 180 meses mediante o desconto no retorno do Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS).

“Lá atrás, quando iniciou o projeto da Sinotruk, tudo foi feito com a melhor das intenções entre Estado e Município. Se a empresa prosperasse, a Prefeitura teria condições de pagar pelo terreno. Mas a fábrica não saiu, e uma dívida cujo valor inicial era de R$ 7 milhões, hoje passa dos R$ 10 milhões, sendo que, como valor de mercado, eu imagino que aquele imóvel não passa de R$ 5 milhões. Queremos o apoio do Governo do Estado nesta questão”, diz o prefeito.

A pauta mais forte da reunião foi a manutenção dos três convênios vigentes entre Estado e Prefeitura. Firmados ainda na administração do ex-governador Raimundo Colombo, os acordos preveem um repasse total de R$ 14 milhões para obras em vias urbanas, a revitalização do Centro e a restauração do Mercado Público. O secretário Douglas Borba conheceu detalhes dos investimentos e sinalizou com a continuidade dos convênios.

Em Florianópolis, o prefeito também conversou rapidamente sobre outros assuntos com o secretário de Estado da Saúde, Helton Zeferino, e com o governador Carlos Moisés da Silva.

“Vejo com otimismo o encaminhamento das nossas demandas no Estado”, conclui o prefeito.

FOTOS: Mauren Rigo / Governo de SC - TEXTO: Pablo Gomes / Prefeitura de Lages