Assim como aconteceu em 153 diferentes cidades brasileiras, centenas de lageanos saíram às ruas neste domingo (26/05). O motivo foi se colocar a favor do Governo Bolsonaro e do Brasil. E, principalmente, se contrapor  à gigantesca mobilização verificada no país no dia 15 de maio, quando professores, estudantes universitários  e de institutos técnicos e população em geral saíram às ruas de 222 cidades brasileiras para protestar contra o corte de verbas anunciadas pelo Governo às Universidades e Institutos Federais e contra a Reforma da Previdência. Em Lages, inclusive, mais de mil pessoas saíram às ruas naquele dia. 

Vestidos de verde e amarelo - e carregando faixas, cartazes e bandeiras do Brasil - neste domingo os lageanos e lageanas fizeram questão de deixar claro que são a favor do Governo Bolsonaro. Nas falas, defenderam a Reforma da Previdência, os projetos anti-crime e anti corrupção enviados ao Congresso pelo Ministro da Justiça, Sérgio Moro, além de defenderem o decreto do porte e uso de armas e a privatização de estatais. 

Alguns também deixaram claro que a manifestação não era a favor e nem contra o Governo, mas "a favor do Brasil". 

Em Lages, a concentração iniciou por volta das 14 horas na Praça da Bandeira, no início da Rua Correia Pinto. Dali, seguiram em passeata pela Rua Correia Pinto e Pres. Nereu Ramos. A concentração final foi na Praça da Catedral. Alguns veículos, motos e caminhões também seguiram depois do grupo de pessoas. E fizeram buzinaço. 

Fotos: Divulgação Whattsapp da Imprensa