Quando a Orquestra Versatilis pisou no palco do Teatro Marajoara, neste domingo, 21 de julho, sob a regência do maestro Jean Reis, e com a participação especial dos solistas Ricardo Barbosa e Marcos Machado, o público que lotava a plateia deixou-se envolver pelos acordes de mais um Festival Internacional Música na Serra.

Foi assim, que iniciou a 7ª edição deste evento que até o dia 27 de julho, fará de Lages palco para grandes nomes da música clássica internacional, que são referência no Brasil e no exterior, proporcionando gratuitamente, aulas e concertos sociais durante o dia e a apresentação de concertos à noite, a partir das 20 horas, no Teatro Marajoara.

Quarteto Coração de Potro no Música na Serra

A noite de segunda, 22 de julho, será inesquecível no Teatro Marajoara. A partir das 20 horas, o Festival Internacional Música na Serra apresentará Quarteto Coração de Potro e Quinteto Versátilis. Será o encontro da música nativista com a música clássica. O espetáculo ainda contará com participação especial de Felipe Coelho, Marcos Machado e Ney Fialkow

Sobre o Música na Serra

Além de promover a cultura na Serra Catarinense, o Festival descentraliza o conhecimento cultural por meio desses concertos, que estariam disponíveis somente nas grandes metrópoles do País e do exterior.

O Festival Internacional Música na Serra é o encontro daqueles que são apaixonados pela boa música, de canto e instrumental. Segundo o Maestro Jean Reis, produtor artístico do festival: “É a música sendo recriada ao vivo, ao alcance dos olhos e ouvidos”.

É por isso, que o Instituto José Paschoal Baggio promove o Festival Internacional Musica na Serra em Lages com grande orgulho há 7 anos. Lembrando que o IJPB é uma organização não-governamental sem fins lucrativos que tem por missão contribuir para o desenvolvimento das pessoas da Serra Catarinense por meio de projetos e programas diminuindo assim a desigualdade social.

Divulgação: Débora Bombílio