A direção do Centro de Educação Profissional (CEDUP) Industrial de Lages solicitou aos profissionais do Centro de Referência em Saúde do Trabalhador (Cerest Lages) a realização de trabalho preventivo com seus profissionais. A ação de educação em saúde aconteceu em dois momentos: o primeiro no dia 14 de agosto para professores dos cursos técnicos. Já o segundo foi realizado na ultima quarta-feira (25 de setembro), para professores do ensino médio. O tema central dos encontros foi a Saúde Mental e divulgação dos serviços oferecidos pelo Cerest de Lages.

De acordo com a gerente do Cerest, Fabiana Medeiros Branco, foram debatidas questões voltadas aos riscos emocionais aos quais os trabalhadores da Política Pública de Educação estão expostos em sua atividade laboral. “Foi possível fomentar a reflexão de que estes possíveis riscos têm potencial de adoecimento mental caso não sejam reconhecidos e trabalhados no tempo necessário”, disse.

Professores e gestores identificaram e relataram situações em seu contexto de trabalho que necessitam de reflexão e atenção. Eles ainda tiveram a oportunidade de participar de momento de descontração e interação. Segundo dados do Observatório de Segurança e Saúde no Trabalho, a administração pública está entre os setores com maior número de notificações relacionadas a acidentes ou adoecimento, representando 17% das notificações.

Informações: Fabiana Medeiros Branco - Fotos: Divulgação