“O trabalho de incentivo para a vinda de novas empresas, apoio e fomento aos empresários locais é de suma importância para que a cidade tenha saldo positivo na criação de empregos nos últimos anos. Isto representa geração de renda para todos os lageanos”. Com estas palavras o prefeito Antonio Ceron define o bom momento na criação de novas vagas de trabalho em Lages.

Dados do Ministério da Economia, através da Secretaria de Trabalho e do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), mostram que no ano de 2019, de janeiro a setembro, o saldo positivo é de 1.263 novas vagas de trabalho formal. Já somente no mês de setembro foram criados em Lages 1.500 empregos. Considerando as demissões neste mesmo período que foi de 1.299, o saldo positivo é de 201 novas vagas de trabalho em setembro.

Com relação ao período dos últimos doze meses o saldo também é positivo: 977 novas vagas. “Lages está se tornando referência em serviços nas mais diversas áreas. O investimento privado em parceria com o poder público incrementa a economia da cidade. Saímos de anos com números negativos como 2015 e 2016 para uma sequencia importante e positiva a partir de 2017”, salienta o prefeito Ceron.  

Cidade próspera e gente trabalhando

De acordo com o departamento da Diretoria de Fiscalização Tributária da Prefeitura de Lages, dados reportam que existem aproximadamente 16.500 mil empresas em atividade em Lages, entre autônomos, Microempreendedores Individuais (MEIs), micro, pequenas, médias e grandes. Lages está entre as cidades de Santa Catarina que mais abriram empresas em 2019. Se comparados apenas dados dos três primeiros meses de 2018 e 2019, o município aparece como um dos maiores crescimentos do Estado. O número de empresas cresceu 28% em Lages.

Texto: Ari Junior / Colaboração Daniele Mendes de Melo - Foto: Pablo Gomes