Em mais uma edição no Mutirão de Castração organizado pela Prefeitura de Lages cerca de 200 animais, entre cães e gatos, machos e fêmeas foram cadastrados para realizar o procedimento nesta quinta-feira (24). Agora, somada mais esta demanda, já chega a cerca de 1.600 castrações realizadas no decorrer deste ano.

\"\"

Antes das 8 horas da manhã a fila já havia se formado para o atendimento na unidade móvel do Projeto Castração, instalado junto ao pátio de estacionamento do 1º Batalhão Ferroviário, no bairro Conta dinheiro. “Nunca havia sido feito um trabalho tão intenso com o objetivo do controle da população de cães e gatos em Lages. Esta ação representa também a promoção da saúde pública e a prevenção de doenças”, comentou o prefeito Antonio Ceron.

O público atendido foi cadastrado previamente nos bairros Petrópolis, Vila Mariza, São Pedro, Tributo e Loteamento Gralha Azul. A coordenadora do Mutirão de Castração, Araceli Hammann, explicou que além dos cadastros gratuitos, feitos nos bairros, as pessoas interessadas em castrarem seus animais podem trazê-los diretamente ao local do mutirão e efetuar o cadastro, sendo que desta forma deverão pagar uma taxa para realização do serviço médico, valor que varia conforme o peso do animal. Além da gratuidade da castração, a Prefeitura fornece medicação pós-operatória gratuita”, completou Araceli.

Texto: Iran Rosa de Moraes / Fotos: Marcelo Pakinha e divulgação