O prefeito Antonio Ceron, recebeu a imprensa para uma visita no canteiro de obras de revitalização da Praça João Ribeiro (etapa do projeto de revitalização do Centro), mais conhecida como Praça da Catedral. Na oportunidade, o prefeito explicou sobre o andamento dos serviços no local. Atualmente os serviços se concentram na retirada das antigas calçadas que contornam a Praça.

 

A empresa responsável já realiza a concretagem da base dos novos passeios. “É importante deixar claro que toda obra pública necessita de projeto para ser executada. São dois projetos de licitações distintos em convênio com o Governo do Estado: Um para a reforma e ampliação do Mercado Público e este de revitalização do Centro, que prevê serviços nas praças João Costa e João Ribeiro, Calçadão Túlio Fiúza de Carvalho, rua Nereu Ramos e trechos das vias Coronel Córdova e Correia Pinto, além da primeira etapa que foi o cabeamento subterrâneo da rede elétrica desta área central”, ressalta o prefeito. A visita ao canteiro de obras da Praça João Ribeiro contou também com a participação de parte do secretariado municipal.

Arborização da Praça João Ribeiro

Com relação à arborização da Praça João Ribeiro, o engenheiro agrônomo da Secretaria de Serviços Públicos e Meio Ambiente, Giovanni Tomazelli, confirmou que existem 16 espécies de árvores do tipo legustro, que serão substituídas por árvores de espécie nativa. “Como já explicamos anteriormente, o legustro é uma espécie exótica invasora que deteriora a vegetação nativa. Sua floração é altamente tóxica para as pessoas que possuem problemas respiratórios, além da raiz, com o passar dos anos, danificar calçadas e canteiros”, explica.

Outra questão sobre os legustros são a orientação e recomendação do Instituto do Meio Ambiente de Santa Catarina (IMA) para que não se plante esta espécie invasora. “A vida útil destas árvores é de aproximadamente 40 anos e estas aqui plantadas na Praça já estão se aproximando desta idade”, acrescenta Giovanni.

Monumento a Getúlio Vargas

O prefeito abordou também sobre o novo projeto do monumento a Getúlio Vargas. A antiga estrutura será retirada (arco). O novo monumento, do qual faz parte o busto do ex-presidente da República, terá um desenho mais moderno e será realocado para a esquerda, de quem olha a Catedral de frente. “Conversamos com o arquiteto do projeto original do monumento, João Preto. Ele também irá nos auxiliar e está de acordo com este novo projeto”, salienta o prefeito.

A nova Praça João Ribeiro irá contar também com o reforço de mais quatro novos postes de iluminação em LED.

Texto: Ari Junior / Fotos: Marcelo Pakinha